20.5 C
Brasília
segunda-feira, 4 março 2024 9:12

Ameaças de morte levam Odair Hellmann a considerar saída do Santos

As mais lidas agora

PEC do estouro é protocolada no Senado

Após 13 dias de debate no Senado, a...

Temor a Deus

  "O temor do Senhor é o princípio da...

Casal é chicoteado e espancado por apoiar Bolsonaro

Tribunal do Crime cobra casal que fez campanha...

Mistério de Deus

QUERIDA MOCIDADE, QUERIDOS PASTORES: Assim diz a Santa...

O futuro de Odair Hellmann à frente do Santos está envolvido em incertezas e mistérios. Em uma conversa com o repórter, o estimado comandante percebeu sua ponderação sobre uma possível saída do clube, após ter seu número de telefone vazado e enfrentar ameaças de morte direcionadas a ele e sua família.

A derrota sofrida diante do Corinthians na última quarta-feira (21), em plena Vila Belmiro, trouxe um clima hostil para o experiente profissional de 46 anos. O confronto teve seu desfecho abruptamente antecipado, antes mesmo dos 45 minutos do segundo tempo, devido à chuva de rojões lançada em direção à área onde se encontrou o goleiro Cássio, do Corinthians. O árbitro Leandro Vuaden encerrou a partida aos 44 minutos, em razão da falta de segurança. Tudo isso ocorreu em meio a fortes protestos da torcida, expressando descontentamento com o presidente Rueda e sentindo a saída do treinador.

Até o momento, não há uma posição oficial do Santos em relação à continuidade de Odair. Caso a saída não faça parte do próprio técnico, espera-se que a diretoria do Alvinegro realize uma reunião que deverá definir o futuro do treinador ainda nesta quinta-feira (22).

Odair Hellmann chegou ao Santos para a temporada de 2023, somando um total de 34 jogos e 11 vitórias em seu comando. Sua trajetória no clube é um capítulo em aberto, cheio de interrogações e esperando um desfecho que pode moldar seu legado.

- Publicidade -spot_img

Você vai gostar disso