19.5 C
Brasília
segunda-feira, 27 maio 2024 22:56

Papa Francisco condena ‘espiral da morte’ e pede que israelenses e palestinos iniciem ‘busca sincera pela paz’

As mais lidas agora

PEC do estouro é protocolada no Senado

Após 13 dias de debate no Senado, a...

Temor a Deus

  "O temor do Senhor é o princípio da...

Casal é chicoteado e espancado por apoiar Bolsonaro

Tribunal do Crime cobra casal que fez campanha...

Mistério de Deus

QUERIDA MOCIDADE, QUERIDOS PASTORES: Assim diz a Santa...

O papa Francisco criticou neste domingo, 29, o aumento da violência no Oriente Médio e pediu a palestinos e israelenses que iniciem uma “busca sincera da paz”. “A espiral da morte que aumenta dia a dia não faz mais do que apagar os poucos vislumbres de confiança que existem entre os dois povos”, disse o pontífice após sua tradicional oração do Ângelus na Praça de São Pedro. Ele citou o ataque do exército israelense na quinta-feira contra um campo de refugiados palestinos na Cisjordânia, no qual morreram 10 pessoas, e o atentado executado na sexta-feira por um palestino diante de uma sinagoga em Jerusalém, que deixou sete mortos. “Desde o início do ano, dezenas de palestinos morreram em confrontos com o exército israelense”, acrescentou. O papa Francisco pediu “aos dois governos e à comunidade internacional que encontrem sem demora outros caminhos, incluindo o diálogo e a busca sincera da paz”.

*Com informações da AFP

- Publicidade -spot_img

Você vai gostar disso